5 alimentos ricos em proteína que vão potencializar o efeito do seu treino:

Proteínas são essenciais para o funcionamento do corpo humano. Isto porque atuam como construtoras de tecidos, mas também auxiliam em outros processos, como a regulação hormonal e recuperação muscular.

Para aqueles que praticam atividade física, o macronutriente assume posição ainda mais importante. É sabido que para aumentar a massa magra, mais do que os exercícios em si, é necessário adotar uma dieta rica em proteínas e dar descanso ao corpo para que ele consiga recuperar os tecidos degradados.

Saber escolher alimentos ricos proteínas de boa qualidade – também chamadas de proteínas de alto valor biológico – portanto, é parte fundamental do processo de quem está na batalha para ter um corpo mais saudável.

Alimentos proteicos

Ovo

Antes vilão, hoje o ovo já é tido como um dos melhores alimentos para quem tem objetivos esportivo, estéticos ou saudáveis. A gordura da gema associada à proteína da clara é um combo perfeito. Além de ser de fácil digestão, o alimento é rico em vitamina B12, essencial para o ganho de massa magra.

O segredo está no consumo. Para não enjoar é importante alternar as formas de preparo. Cozido e mexidos são os jeitos mais fáceis. Mas vale usar a criatividade para omeletes ricos em sabor, suflês e muffins.

Iogurte

Os derivados lácteos, como o iogurte, estão entre os itens mais indicados pelos profissionais de nutrição. Isto porque apresentam o equilíbrio perfeito entre carboidratos e proteínas necessários para o crescimento muscular, além de possuir micronutrientes como cálcio, magnésio e zinco.

Aqueles que têm como objetivo a definição ou ganho de massa magra e, portanto, precisam de um aporte maior de proteínas ainda podem contar com versões proteicas, que trazem quantidade extra do macronutriente, como o iogurte Vigor Grego Protein, com 13 gramas de proteína. O produto ainda é zero gorduras e zero lactose, sendo uma excelente alternativa para o café da manhã, pós-treino ou aquela fominha que bate no meio do dia.

Além da qualidade nutricional, o alimento ganha pontos pela versatilidade e praticidade, já que o potinho pode ser consumido puro, ganhar acompanhamentos, como frutas e grãos, ou ainda servir de base para inúmeras receitas.

Carne de vaca

Não dá para fugir. Quando o assunto é proteína, a carne é uma das principais indicações. Todos os cortes fornecem proteínas de alto valor biológico. O que determina entre a escolha de um ou outro é a estratégia nutricional, variando entre o baixo ou alto consumo de gordura.

Carne de porco

Menos falada do que as carnes de vaca ou frango, a de porco também é recomendada para aqueles cujo objetivo é ganhar massa magra. Com alto valor proteico, a maioria dos cortes tem pouca gordura.

Carne de peixe

Nesta categoria, o campeão de indicações e preferencia é o salmão. Peixe cada vez mais popular no Brasil, é excelente fonte de proteína e gorduras saudáveis, como o ômega 3.

No preparo das três versões de carne, as opções são infinitas. Em refeições vale fazer grelhada, assada ou cozida. Para consumir nos lanches, faça em bolinhas, picadinha ou desfiada.

Leave a comment

Sua Dieta 2019 - todos os direitos reservados.